in ,

Consumidores europeus diversificam cada vez mais os locais de compras

A compra habitual está a tornar-se um processo multicanal, o que favorece as lojas especializadas, de acordo com um estudo realizado pela IRI.

Em Espanha, por exemplo, os consumidores visitaram uma média de 5,8 canais diferentes nos últimos 12 meses para fazer a compra quotidiana. Perfumarias e farmácias foram os estabelecimentos mais visitados, entre os canais especializados.

De acordo com o estudo, as grandes lojas de consumo são relevantes para os consumidores e os sites de comércio eletrónico generalistas têm uma posição mais baixa em comparação com hipermercados e supermercados. Entre as lojas especializadas, as que mostram maior satisfação do cliente são tão heterogéneas quanto as dedicadas à maquilhagem, produtos congelados e farmácia.

O estudo mostra que os compradores europeus visitaram uma média de 5,4 lojas. Itália (6,6) e Grécia (6,1) são os países que mais diversificam a sua compra. A Alemanha está abaixo da média europeia (5,2). assim como a França e o Reino Unido (4,8), bem como os Países Baixos (4,6), com um número menor de canais utilizados para fazer a compra.

91% dos compradores europeus visitaram um supermercado no ano passado, 42% um hipermercado, 46% as chamadas lojas tradicionais e 34% as lojas de conveniência. Valentina Escribano, especialista em estudos do comprador da IRI, explica que “de acordo com os dados do estudo, podemos saber que o canal online ainda se mantém com números mais baixos, com 26% dos compradores que adquiriram produtos em sites de comércio eletrónico generalistas e 20% nas lojas online especializadas“. 

Do ponto de vista do produto, os alimentos embalados (16%) e os produtos de higiene pessoal (17%) são as duas categorias que cresceram mais nas compras online.

A opção online no momento da compra tem um bom nível de penetração entre os compradores europeus, portanto, de acordo com a IRI, as estratégias de crescimento potencial devem concentrar-se em melhorar a despesa média do comprador e aumentar a frequência de compra.

Publicidade

Auchan quer ter centenas de lojas de conveniência totalmente automatizadas

Dono de império de retalho croata detido pela falência do grupo empresarial