BUYIN.PT
in , ,

Buyin.pt e Oikos estabelecem parceria para apoiar os agricultores nacionais

A Buyin.pt e a Oikos – Cooperação e Desenvolvimento, Organização Não Governamental Portuguesa estabeleceram uma parceria para apoiar os pequenos e médios agricultores nacionais na comercialização dos seus produtos.

Nesta parceria, a Oikos, através do SmartFarmer, um negócio social que tem vindo a ser incubado nesta organização, vai gerir uma “flagship store” na plataforma de comércio eletrónico MercaChefe.pt.

O principal objetivo das duas organizações é aproximar produtores e consumidores através do comércio eletrónico, promovendo o consumo local das famílias e dos consumidores coletivos, nomeadamente instituições particulares de solidariedade social (IPSS), Misericórdias e câmaras municipais, disponibilizando um novo canal de escoamento aos agricultores.

A MercaChefe.pt encarrega-se, dentro dos stocks disponíveis, de recolher diretamente os produtos junto dos respetivos produtores e entregar em casa dos clientes num prazo de 48 horas. “O comércio muda, os consumidores mudam e as parcerias assumem hoje um papel fundamental para o desenvolvimento dos negócios. O comércio eletrónico com um excelente serviço de logística e atendimento personalizado é a solução. Através desta parceria com a Oikos, conseguimos apoiar os produtores mais pequenos, um passo fundamental para consolidar a nossa política de responsabilidade social”, afirma Ricardo Wallis, CEO da Buyin.pt.

Esta parceria, que foi trabalhada ao longo dos últimos meses, permanecerá no pós-crise de saúde pública e continuará a ser dinamizada por uma crescente rede de parceiros nos territórios. Para a Oikos, especialmente durante esta crise, importa criar condições sustentáveis de apoio aos produtores e consumidores locais, através da construção de um ecossistema de suporte à produção e à comercialização. “Queremos disponibilizar soluções digitais de apoio à comercialização ao maior número de produtores possível para que, com o apoio do SmartFarmer e da nossa rede de parceiros, estes se possam registar e vender a sua produção online através de novos canais de escoamento”, afirma João Fernandes, presidente do Conselho Diretivo da Oikos, e co-fundador do SmartFarmer.

Os produtores interessados podem fazer o pré-registo através deste formulário e os consumidores podem registar-se aqui.

O SmartFarmer conta atualmente com uma rede de parceiros a nível nacional e o apoio do programa de parcerias para o impacto do Portugal Inovação Social, com financiamento do POISE e da Fundação Calouste Gulbenkian.

Publicidade

O que as pessoas mais querem fazer pós-pandemia?

Páscoa não puxa pelo consumo