in

Bens de grande consumo crescem 3,5%

Segundo os mais recentes dados da análise Nielsen Scantrends BGC Portugal, os bens de grande consumo apresentaram um crescimento de 3,5%. Na quadrissemana  de 31 de outubro até 27 de novembro  de 2016, as marcas de fabricante (3,5%) e as marcas de distribuição (+3,4%) cresceram de forma homogénea.

A alimentação apresentou um crescimento de 3,2%. As marcas de distribuição cresceram 4,2% (sobre um período homólogo de -4,2%), apresentando um aumento superior ao das marcas de fabricante (2,5%).

O sector das bebidas continuou a ser o mais dinâmico, tendo registado neste período um crescimento de 6,6%. Neste sector, as marcas de fabricante (8,%) continuaram a crescer acima das MDD+PP (0,7%) com uma diferença significativa.

Nesta quadrissemana, o sector higiene do lar cresceu 2,3%. As marcas de fabricante (5,1%) continuaram a crescer, desta vez acima das MDD+PP, que apresentaram decréscimos (-2,9%).

Já a higiene pessoal apresentou um crescimento de 1,9% neste período. As MDD+PP registaram um aumento de 4,1%, enquanto as marcas de fabricante aumentaram 1,2%.

Publicidade

Unilever abre fábrica no Dubai

Rewe nomeia novo CEO