in

Auchan sai do mercado asiático

Foto Andy.LIU/Shutterstock.com

A Auchan Retail concluiu a saída da Ásia com a venda do seu negócio em Taiwan. A empresa confirmou a transmissão da sua participação de 64,83% na RT-Mart, o seu negócio de retalho no país, ao grupo local PX Mart.

Paralelamente a esta operação, o Grupo Ruentex também alienou a sua participação na RT-Mart, colocando 95,97% da empresa nas mãos da PX Mart.

Enquadrada no plano de alienação de ativos não estratégicos anunciado em março passado, esta venda confirma também a reorientação geográfica do grupo francês iniciada após a saída da China, em outubro do ano passado.

 

RT-Mart

A RT-Mart Taiwan realiza o seu negócio através de três conceitos de distribuição (hipermercado, loja de conveniência e conceito híbrido de uma loja de alimentos com área de restauração) e conta com cerca de 4.200 colaboradores. As suas receitas ascenderam a 805 milhões de euros, em 2020. “O trabalho de inovação realizado pelos colaboradores da RT-Mart, ao longo dos últimos anos, reforçou a posição da empresa no mercado de Taiwan. Hoje, a RT-Mart tem qualidades vencedoras para abordar com confiança o futuro. Com o complemento da PX Mart, a cadeia encontrará a sua máxima expressão e valor para se perfilar como um operador omnicanal imbatível“, afirma Edgard Bonte, presidente da Auchan Retail.

Por seu lado, a PX Mart é a maior cadeia de supermercados de Taiwan. Presidida pelo seu fundador e controlada pela família Ming-Hsiung Lin, tem 1.009 lojas naquele território, com um volume de negócios de cerca de 3,7 mil milhões de euros. Fundada em 1998, é reconhecida no país pelos seus serviços associados a uma estratégia de preços de desconto.

Publicidade

Mercadona

Mercadona abriu novo supermercado em Vila do Conde

cerveja

El Corte Inglés, Oitava Colina e associação Crescer lançam cerveja à base de sobras de pão