in ,

ASAE apreende calçado e vestuário contrafeito comercializado pela Internet

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica procedeu à execução de cinco mandados de busca em residências, lojas e armazéns localizados no concelho de Paredes, na sequência de uma investigação dirigida a um website de venda de material contrafeito.

Como resultado da ação, que esteve a cargo da Unidade Nacional de Informações e Investigação Criminal, foram apreendidos diversos artigos de calçado, vestuário, computadores e impressoras, num valor aproximado que ronda os 12 mil euros.

De acordo com os elementos recolhidos durante a investigação, existe a suspeita que este material tenha sido produzido e adquirido no Norte de Portugal, sendo posteriormente, comercializado através de anúncios em sites de Internet.

Este site encontrava-se ativo, pelo menos, desde 2013, com ofertas de material contrafeito que se aproximavam do original, constituindo ainda uma fraude sobre mercadorias. A venda era toda efetuada através da Internet sendo os artigos remetidos por correio mediante pagamento por transferência bancária ou à cobrança.

Publicidade

Publicidade

DHL distinguida como Melhor Empregador

Schweppes lança edição limitada para o Dia do Pai