in

ANEBE lidera grupo de trabalho que coordenará recuperação do turismo na Europa

A spiritsEUROPE (spirits.eu), associação que representa o sector de bebidas espirituosas da Europa, nomeou o secretário-geral da portuguesa ANEBE – Associação Nacional de Empresas de Bebidas Espirituosas, João Vargas, para liderar o Grupo de Trabalho responsável pela articulação das políticas de apoio à recuperação dos sectores de hotelaria e turismo na Europa.

João Vargas será responsável pela coordenação do Grupo de Trabalho e, também, pela relação com as instituições europeias, durante a vigência da presidência portuguesa do Conselho da União Europeia (UE).

Os avanços recentes no desenvolvimento de vacinas e o financiamento anunciado pela UE, num valor sem precedentes, para apoiar a recuperação da Europa na fase pós-Covid, são um grande sinal de esperança”, afirma João Vargas. “Neste contexto, a Presidência Portuguesa da UE tem lugar num momento crítico para a recuperação que se aproxima”, acrescenta.

Turismo desce 80%

O ano de 2020 tem sido extremamente desafiante para toda a indústria das espirituosas, para os consumidores e para todos os que integram as cadeias de valor dos sectores agroalimentar, hoteleiro e do turismo.

A organização mundial de turismo das nações unidas estima que o número de turistas deverá cair 80% este ano, globalmente, devido à pandemia de covid-19. Os efeitos da pandemia e das medidas de combate e de limitação da propagação da doença no sector do turismo e nos sectores com ele diretamente relacionados equivalem a 1,5% do PIB mundial.

Desde o início desta crise, o sector das bebidas espirituosas – empresas multinacionais a pequenas e médias empresas – empreendeu esforços contínuos e coordenados para apoiar as instituições europeias e os governos dos Estados-membros.

Muitos dos nossos associados direcionaram a sua produção de álcool para responder à crescente procura de desinfetante para as mãos a nível mundial e a nível das comunidades locais, muitas empresas contribuíram financeiramente para apoiar profissionais do sector hoteleiro, restauração e animação noturna que ficaram sem atividade ou sem emprego no início deste ano”, aponta João Vargas.

“Continuaremos comprometidos com este esforço. Simultaneamente, defenderemos a definição de políticas e a aplicação de todas as medidas e apoios necessários para ajudar a nossa indústria e todos os parceiros da nossa cadeia de valor a recuperarem desta crise”, refere. “Desta forma, iremos trabalhar em conjunto para apoiar a Presidência do Conselho, promovendo encontros públicos e privados com discussão de propostas e, obviamente, que a recuperação económica do sector da restauração, animação noturna, hotelaria e turismo seja um dos pontos cruciais das conclusões da nossa Presidência

spiritsEUROPE

A spiritsEUROPE, através da sua rede de 29 associações comerciais e industriais nacionais e 10 grandes empresas internacionais, está preparada para contribuir para este debate oportuno e determinante e desempenhará um papel positivo e construtivo no apoio aos esforços e às políticas europeias neste domínio.

Publicidade

retalho mundial

Retalho pede intervenção de Bruxelas para impedir que fabricantes imponham restrições territoriais de abastecimento

Danone e M&M’s apresentam novidade