in

Crédito y Caución prevê que o barril de petróleo alcance os 95 dólares em 2025

Crédito y Caución

A Crédito y Caución prevê um aumento paulatino, a longo prazo, do preço do crude. De acordo com as estimativas apresentadas no último “Economic Outlook”, o preço de equilíbrio em 2025 deverá situar-se nos 95 dólares por barril. Este preço de referência está muito acima dos valores atuais.

Na primavera de 2019, as preocupações com o fornecimento de petróleo, devido ao endurecimento das sanções dos Estados Unidos da América ao Irão, aumentaram ligeiramente os preços. A tendência inverteu-se durante o verão, devido ao impacto da escalada na guerra comercial no crescimento económico mundial, e o preço debilitou-se até se situar entre os 55 e os 65 dólares por barril. Após o ataque às instalações de produção sauditas, houve uma subida dos preços até aos 71 dólares que se corrigiu quando ficou claro que os efeitos desta ação sobre a interrupção de fornecimento seriam muito limitados.

Apesar da evolução atual do mercado, a tendência a longo prazo é de subida do preço do petróleo. Acreditamos que a procura mundial de petróleo irá crescer, em especial nas economias emergentes, até ao ponto em que para dar resposta sejam necessários investimentos mais avultados nos recursos energéticos. Esse crescimento produzir-se-á mesmo que se adote uma política agressiva de transformação energética em todo o mundo”, refere o relatório.

Apesar dessa tendência a longo prazo, a previsão para 2020 aponta para que os preços do barril se mantenham em redor dos 65 dólares dada à debilidade da economia mundial.

Esporão lança Reserva Tinto 2017

Kroger e Wallgreens estabelecem uma aliança de compras