in

5 em 10 utilizadores da Internet pesquisam produtos primeiro na Amazon

O Google mantém a sua liderança como o maior mecanismo de pesquisa na Internet, embora tenha surgido um forte concorrente no mercado norte-americano quando se trata de consulta de produtos.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Adeptmind, 46,7% dos utilizadores da Internet nos Estados Unidos da América começaram por pesquisar produtos na Amazon, em comparação com 34,6% que foi primeiro ao Google. Além disso, de acordo com uma pesquisa da Salsify em fevereiro de 2018, a forma de pesquisa líder entre os compradores digitais para encontrar e comprar foi a Amazon (41%), seguida da pesquisa no Google e depois compra na Amazon (28%).

Esse também é o caso do tráfego multidispositivo na plataforma, de acordo com a análise da Jumpshot para o segundo trimestre de 2018. Em 2015, o Google tinha 54% das pesquisas de produtos e 46% pertencia à Amazon. Em 2018, os números foram invertidos.

No entanto, aqueles que pesquisaram na Amazon levaram mais tempo para fazer uma compra do que aqueles que pesquisaram no Google. O Emarketer Retail indica que, em média, levaram 25,9 dias na pesquisa para comprar na Amazon, enquanto que no Google foram 19,6 dias. De acordo com a consultora, “este comportamento pode ser explicado se a Amazon é usada como um recurso para pesquisa de produtos. Os compradores podem ler extensos comentários, perguntas e respostas e olhar para as imagens, mas não necessariamente pensar em comprar imediatamente, enquanto uma pesquisa de produtos no Google pode ser de um comprador que já sabe o que quer “.

A localização dos resultados de pesquisa na Amazon é fundamental. De acordo com o Jumpshot, mais de dois terços dos cliques ocorrem na primeira página dos resultados de pesquisa da Amazon.

Publicidade

Publicidade

Embalagens da Henkel serão totalmente recicláveis em 2025

Time Out Market celebra 50 anos da Time Out com uma exposição de 50 capas da revista