in

Missão Continente financia projetos na área da alimentação

Depois de, na edição anterior, terem sido distribuídos 330 mil euros por 22 projetos vencedores, escolhidos entre 333 candidaturas, a iniciativa da Missão Continente volta a apoiar ideias que contribuam, por exemplo, para a educação, sensibilização e capacitação na área da nutrição saudável, integração social e profissional, melhoria das condições de vida e do acesso a alimentos, combate ao desperdício alimentar ou promoção da qualidade e segurança alimentar.

Os projetos podem ser dirigidos a diferentes faixas etárias e perfis de beneficiários. O júri será composto pela Escola Nacional de Saúde Pública da Universidade Nova de Lisboa, a Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Hospitalar, a Direção-Geral da Saúde e o Continente para uma avaliação global dos projetos e contará, também, com entidades especialistas, como o Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável, a Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa e o GRACE – Grupo de Reflexão e Apoio à Cidadania Empresarial para a avaliação dos projetos respeitantes às áreas da alimentação saudável, do desperdício alimentar e da inclusão social.

O valor do apoio será angariado através da venda dos presentes solidários da Missão Continente disponíveis em todas as lojas Continente a partir de novembro. Os projetos serão avaliados de acordo com a sua relevância, coerência e sustentabilidade, bem como a adequação ao público alvo e respetivas estratégias de avaliação de resultados do mesmo.A avaliação resultará de uma ponderação entre 90% da avaliação do júri e 10% da votação do público online no site.

Os vencedores serão anunciados em março de 2019 e o respetivo donativo entregue às instituições até julho do mesmo ano. 

Publicidade

ASAE apreende 25 mil litros de detergente por contrafação

Leroy Merlin abre 15.ª loja em Leiria