in

Whirlpool entrega petição anti-dumping contra a Samsung e a LG

A Whirlpool entregou uma petição anti-dumping contra a Samsung e a LG no mercado norte-americano.

A petição sublinha um “padrão repetido e de longo prazo de preços abaixo do custo por parte da Samsung e da LG, que está a prejudicar os fabricantes norte-americanos de máquinas de lavar a roupa”. A petição cobre os modelos de carga frontal e superior, assim como alguns componentes.

Segundo Marc Bitzer, presidente e COO da Whirlpool, desde 2013 que a Samsung e a LG substituíram as suas máquinas feitas na Coreia e México por máquinas feitas na China. “Desde então, a Samsung e a LG têm ignorado a ordem anterior do Governo norte-americano ao continuarem a praticar “dumping” dos preços das máquinas de lavar a roupa nos Estados Unidos da América”.

Em 2013, as autoridades locais detetaram que a Samsung e a LG estavam a praticar “dumping” nas máquinas exportadas para o mercado norte-americano a partir das suas unidades de produção na Coreia e México. Segundo a Whirlpool, como resposta, a Samsung e a LG moveram aprodução com destino aos Estados Unidos da América para a China, “esquivando-se” à ordem.

Em declarações à Reuters, um porta-voz da LG disse que a investigação irá mostrar que as máquinas de lavar a roupa da fabricante coreana não foram vendidas de forma desleal neste mercado. “O responsável pela petição está a tentar privar os consumidores de escolhas entre diferentes marcas e a LG irá defender-se agressivamente para preservar esta escolha”. Já o porta-voz da Samsung reitera que a empresa cumpre as regras comerciais no mercado norte-americano.

Publicidade

Ativos físicos continuam a ser valiosos nas estratégias omnicanal

Media Markt prevê criar entre 400 a 500 postos de trabalho em Espanha em 2016