More stories

  • Lucro da Europac cresce 68% no1.º semestre

    O Conselho de Administração do Grupo Europac aprovou as contas do primeiro semestre do ano, onde se registou um crescimento do resultado líquido de 68,3% face a igual período de 2017, situando-se nos 54,5 milhões de euros. Num cenário de crescimento das vendas agregadas superior a 13%, os EBITDA consolidado e recorrente aumentaram 41,9% e 67,9%, […] Saber mais

  • in

    Receita da Coca-Cola European Partners cresce 10,5%

    A receita do primeiro semestre da Coca-Cola European Partners (CCEP) foi de 3.500 milhões de euros, cerca de mais 10,5% que ao mesmo período de 2015, impulsionada pela incorporação das engarrafadoras alemã e ibérica durante a última parte do segundo trimestre. As receitas proforma foram de 5.200 milhões de euros, o que representa uma redução […] Saber mais

  • Publicidade

  • in

    Mercado portuário regista valor mais elevado de sempre no primeiro semestre

    Nos primeiros seis meses de 2016, os portos comerciais do continente tiveram o melhor resultado de sempre, comparativamente aos períodos homólogos. Neste período, os portos movimentaram cerca de 45 milhões de toneladas, nas várias tipologias de carga, registando um acréscimo de 0,9% relativamente ao valor observado no período homólogo de 2015. Este facto resulta exclusivamente […] Saber mais

  • in

    Sumol+Compal com forte crescimento no primeiro semestre

    A Sumol+Compal registou “um bom desempenho operacional e financeiro”, no primeiro semestre de 2015. Segundo a empresa, o crescimento é suportado pelas “condições favoráveis em Portugal” e pelo “reforço da presença das suas marcas em mercados africanos”. As vendas totais subiram 20,7% para 166,4 milhões de euros. A faturação no mercado português aumentou 12,7% para […] Saber mais

  • in

    STEF cresce no primeiro semestre de 2015

    No primeiro semestre, a STEF beneficiou do ligeiro incremento do consumo alimentar na Europa e dos bem-sucedidos resultados da transformação do seu dispositivo em França, após a integração da Ebrex. Este ambiente mais favorável suportou a forte dinâmica das atividades europeias (+9%), associada aos desempenhos registados no Sul da Europa e ao êxito da implementação […] Saber mais