More stories

  • in

    Portugueses planeiam gastar em média 388 euros com as compras de Natal

    Segundo dados do Observador Cetelem Natal 2019, os portugueses têm a intenção de gastar cerca de 388 euros, mais seis euros do que os 382 euros registados no ano anterior. Prevê-se que grande parte deste valor (61%) seja gasto em presentes, percentagem que teve um aumento considerável em relação a 2018 (49%). Para esta categoria […] Saber mais

  • in

    Black Friday gera mais gastos que no Natal e saldos de janeiro

    A Black Friday ainda não aconteceu, mas a GfK estima que as vendas na semana de 29 de novembro, superem as do Natal em sete países: Grã-Bretanha, França, Alemanha, Itália, Espanha, Polónia e Brasil. Os atuais consumidores são experientes e dedicam mais tempo a pesquisar antes de tomar uma decisão. De acordo com o estudo […] Saber mais

  • in

    Portugueses poderão gastar 181 euros na passagem de ano

    Os gastos médios dos portugueses poderão chegar aos 181 euros, embora quase metade (49%) não tenha ainda uma ideia do quanto deverá despender neste período. De acordo com o inquérito Observador Cetelem,12% dos entrevistados irão gastar até 50 euros, 17% entre 51 e 100 euros, 9% entre os 101 e 150 euros e 12% dos […] Saber mais

  • in

    Gastos natalícios em canais online vão chegar aos 203 euros

    De acordo com o estudo Observador Cetelem Natal 2018, os portugueses tencionam escolher os centros comerciais (70%) para fazerem as suas compras de Natal. Os super/hipermercados (45%) são o segundo local preferido dos portugueses para as compras na quadra natalícia, seguidos das lojas de comércio tradicional (26%). Nos canais online, apenas 3% dos inquiridos referem […] Saber mais

  • in

    Gastos do consumidor britânico continuam a cair

    Os gastos dos consumidores no Reino Unido caíram pelo terceiro mês consecutivo em julho. É a primeira vez em quatro anos que houve uma queda de três meses, atribuída pelos analistas ao Brexit. Em julho, as despesas caíram 0,8% em relação ao ano anterior e experimentaram quedas similares em maio e junho. Esta situação não […] Saber mais