in ,

Número de empresas na Europa com vendas online estagna

O número de empresas na União Europeia com vendas online estagnou. De acordo com um estudo da Comissão Europeia, muitas empresas evitam vender para fora do país, porque receiam a atividade fraudulenta.

A pesquisa mostra que apenas 40% dos retalhistas com mais de 10 colaboradores vendem online. Valor que é igual ao de 2014. Apenas uma em cada cinco empresas que vendem tanto ao cliente final como a outras empresas têm uma loja online.

Numa altura em que tanto se fala do crescimento do comércio eletrónico, é ainda mais surpreendente o facto de muitos retalhistas recusarem vendem para fora do país, um número que cresceu 8% no ano passado. Apenas 27,2% das empresas sentem-se confiantes em fazê-lo.

Já o consumidor tem mais confiança em comprar online. 57,8% dos europeus fazem-no, um valor que aumentou 21,1% face a 2014.

Nos últimos 10 anos, o número de compradores online na União Europeia duplicou. A Europa do Norte teve um melhor desempenho que a do Sul e de Leste, com o Reino Unido a destacar-se pela positiva (82,6%) e a Roménia no extremo oposto (11,6%). Cerca de 17% dos e-shoppers europeus compram em outros países da União Europeia e 11,3% fazem-no fora do espaço comunitário.

Publicidade

Jerónimo Martins com lucros de 173 milhões de euros no semestre

Guloso lança gama de tomate biológico do Ribatejo