in

Nestlé apoia esforços da União Europeia na promoção de uma política para uma nutrição saudável

A Nestlé apoia os esforços da Presidência holandesa da União Europeia para promover uma política de nutrição saudável para todos os países membros da UE.

Estas medidas, defendidas pela Nestlé, devem motivar a indústria a investir em produtos mais saudáveis. “Hoje, temos 28 diferentes soluções nacionais para o mesmo problema. Ao substituí-las por uma solução forte, o quadro político da UE vai criar condições de igualdade a longo prazo e encorajar a concorrência, que por sua vez impulsionará a inovação na nutrição”, afirma Luis Cantarell, vice-presidente executivo da Nestlé para a Europa, Médio Oriente e Norte de África.

O gestor vai marcar presença no evento em Bruxelas que assinala o 150.º aniversário da Nestlé e que junta mais de 300 personalidades políticas da UE e da sociedade civil para discutir sobre alimentação, sustentabilidade e o futuro da nutrição, bem como os compromissos da Nestlé com a sociedade.

O responsável da Nestlé destaca ainda que a indústria deve agir de imediato, sem esperar por alterações reguladoras. “Quando mais de 30% da população da UE é obesa, temos um problema e devemos fazer mais”, defende Luis Cantarell.

Nos últimos dois anos, a Nestlé retirou 8.600 toneladas de açúcar do seu portfólio de produtos alimentares, bem como 260 toneladas de sódio e 440 toneladas de gordura saturada. A empresa vai anunciar novos compromissos de nutrição e saúde nos próximos meses.

Na conferência dos 150 Anos da Nestlé, os oradores vão desafiar a indústria alimentar a inovar e a criar produtos que se adaptem ao século XXI, que incluem novos padrões de alimentação e alterações demográficas. Para além de renovar o seu portfólio, a Nestlé satisfaz este desafio ao desenvolver produtos de nutrição personalizados através do programa Nestlé Health Science, estabelecido em 2011. A companhia está neste momento a investigar de que forma é que a genética e outros fatores individuais definem a melhor alimentação para cada pessoa. “A próxima era da nutrição vai ser baseada na ciência e personalizada, de modo a desempenhar um papel fundamental no controlo e prevenção de doenças”, conclui Luis Cantarell.

Publicidade

Dr. Smart repara dispositivos móveis na hora

Vinalda distribui Quinta Valle Madruga