in

Maior operador de e-commerce russo inicia conquista europeia

A Wildberries, o maior operador de comércio eletrónico da Rússia, quer conquistar a União Europeia com o lançamento de um website em inglês e a abertura do seu primeiro ponto de recolha de encomendas na União Europeia, localizado em Varsóvia, na Polónia.

A empresa russa anunciou que, a longo prazo, deseja abrir cerca de 100 pontos de recolha naquele país da Europa Central. Num comunicado à imprensa, o diretor de desenvolvimento, Vyacheslav Ivashchenko, disse que a Polónia “não foi escolhida acidentalmente” como o primeiro país da União Europeia para a Wildberriesse instalar, destacando a localização estratégica e o seu crescente mercado de comércio eletrónico.

O e-tailer é especializado em moda e oferece aos  clientes a opção de entrega das roupas em casa ou nos pontos de recolha, equipados com provadores. A empresa atua na Rússia, Bielorrússia, Arménia, Cazaquistão, Quirguistão e, agora, também na Polónia.

A Wildberries foi fundada em 2004 por Vladislav e Tatiana Bakalchuk e, em 15 anos, cresceu até se tornar numa empresa com uma média de 750 mil encomendas  por dia e uma faturação superior a 3,1 mil milhões de euros, no ano passado, num aumento de 94% em relação a 2018.

O sector de comércio eletrónico russo está em expansão: no primeiro semestre de 2019, as vendas combinadas dos três maiores operadores de e-commerce do país (Wildberries, Apteka e Ozon) aumentaram 107%.

Publicidade

Publicidade

Nestlé lança KitKat Gold na Europa

Casino em negociações para venda da Leader Price ao Aldi