in ,

Frescos penalizados pela guerra de preços

Os frescos foram uma das categorias de produtos mais penalizadas pela guerra de preços no mercado de grande consumo britânico, de acordo com um estudo da Nielsen citado pela The Grocer.

Os dados mostram que estes produtos foram um instrumento chave da guerra de preços iniciada pela Morrisons em abril de 2014, para evitar continuar a perder clientes para o Aldi e para o Lidl.

Os dados da Nielsen mostram que as verduras faturaram menos 6,4%, a carne vermelha menos 3,5%, o frango menos 3,9% e o leite menos 5,8%.

Os gestores de bens de grande consumo consideram que esta guerra vai durar este ano, dado que os vários retalhistas vão continuar a sacrificar a sua margem para se aproximarem dos preços praticados pelas insígnias de “discount”.

Publicidade

Publicidade

Starbucks abre loja no “marketplace” da Alibaba

Gigante da distribuição belga Delhaize é dissolvido