in

Força de trabalho móvel ameaça a segurança de 3 em cada 4 empresas na Europa

O novo White Paper da IDC, patrocinado pela OKI Europe Ltd., confirma que as empresas na Europa têm uma necessidade crítica de acesso seguro às informações, “a qualquer hora e em qualquer lugar”, para manter e aumentar a produtividade no local de trabalho.

No entanto, segundo o mesmo estudo, três quartos das PME não utilizam qualquer ferramenta de segurança de gestão documental, ficando potencialmente expostas a vírus e outras ameaças de segurança.

A IDC prevê que, até 2018, cerca de 75% da força de trabalho desempenhe as suas funções a partir de dispositivos móveis, fora do escritório. Confrontados com o acesso a um maior volume de informações digitalizadas, a IDC alerta que as empresas precisam de prestar mais atenção ao acesso e à segurança dos dados.

Dando resposta às mudanças que se observam nos locais de trabalho modernos, a IDC aponta a capacidade dos multifunções inteligentes (MFP Smart) para serem programados de forma a fornecerem ferramentas personalizadas a funcionários e departamentos. Os MFP Smart são equipamentos flexíveis que permitem a utilização de um cartão de identificação seguro, acesso por código PIN e são compatíveis com dispositivos móveis, como smartphones e tablets. “A crescente força de trabalho móvel e a procura de trabalho “a qualquer hora, em qualquer local” tem tido um impacto profundo nas empresas de hoje“, afirma Terry Kawashima, diretor geral da OKI Europe Ltd. “Como resposta, as empresas precisam de manter os funcionários produtivos, através da introdução de fluxos de trabalho digitalizados mais eficientes e da implementação de controlos para proteger dados confidenciais. Como o White Paper da IDC destaca, há uma clara e urgente necessidade de equipamentos que ajudem a proteger contra ameaças externas, com impressão segura a partir de dispositivos móveis“.  

O portfólio de MFPs Smart da OKI Europe, preparado para impressão móvel, dispõe de um conjunto de funções para controlo da segurança. Estes incluem ferramentas de autenticação, para controlar o acesso a informações confidenciais, definição de acessos e permissões para proteger os dados da empresa, do funcionário e do cliente ou paciente, contribuindo para a confidencialidade dos documentos.

Publicidade

Publicidade

Verifone vence prémio nos Merchant Payments Ecosystem Awards

APED premeia inovação no retalho