in

Espanha é o motor de crescimento da Worten

Espanha é o motor de crescimento da Worten, segundo garantiu Miguel Águas, diretor geral da Worten Espanha, numa entrevista ao jornal El Economista.

O país vizinho é, segundo o gestor, a aposta mais importante da Sonae SR e, atualmente, gera entre 25% e 30% das receitas do grupo. O objetivo é que, a curto prazo, o mercado espanhol represente mais de 50%. O braço de retalho especializado da Sonae vai investir em Espanha 50 milhões de euros, metade dos quais correspondentes à Worten.

Atualmente com 44 lojas em Espanha, a Worten prevê abrir meia centena de novos pontos de venda, durante os próximos cinco anos, alguns dos quais em centros urbanos. O plano de crescimento prevê consolidar a empresa no pódio das lojas de eletrodomésticos e eletrónica de consumo, sete anos após a chegada ao mercado espanhol. “A Worten é líder de mercado em Portugal, a muita distância dos seus concorrentes, e com uma grande quota de mercado que nos impede de crescer muito mais. Creio que Portugal é pequeno para a ambição da Sonae SR. A decisão de eleger Espanha foi natural. Na nossa relação com os fabricantes de eletrónica vemos que está tudo iberizado. Muitas empresas têm estruturas ibéricas e comités de coordenação entre Espanha e Portugal. Desde há dois anos que vemos sinais positivos e que nos animam a investir em Espanha”, adianta o gestor.

Com a previsão de abrir 10 lojas ao ano nos próximos cinco anos, a Worten prevê duplicar os recursos humanos no mercado espanhol, criando mil novos postos de trabalho.

Publicidade

Amazon lança formato Drive

Walmart compra operador de comércio eletrónico chinês