Gestão de reputação em tempos de Covid-19

Vanessa Romeu, diretora de comunicação corporativa do Lidl Portugal
Vanessa Romeu, diretora de comunicação corporativa do Lidl Portugal

Quem não sentiu a sensação de murro no estômago ao ver as escolas a fechar, escritórios vazios, restaurantes encerrados e ruas vazias?

A pandemia trouxe consigo inúmeros desafios, mas também a oportunidade para os líderes e as marcas mostrarem a sua verdadeira essência. Em virtude da magnitude do impacto económico e social que a pandemia despoletou, foi exigido um foco redobrado das marcas, e o retalho alimentar não foi exceção, tendo sido catapultado para a linha da frente, praticamente na primeira hora.

O Lidl não foi exceção e tem estado na linha da frente de atuação neste contexto provocado pela Covid-19, com a garantia de fornecimento de bens à população, mas, sobretudo, temos sido capazes de agir com rapidez e flexibilidade, adaptando processos, otimizando a gestão das equipas, reajustando investimentos em resposta à comunidade e, principalmente, garantindo uma comunicação transparente junto dos colaboradores e clientes. Com uma forte estratégia de proximidade e partilha de valor com a sociedade, não tivemos receios em tomar medidas imediatas com impacto nas nossas 258 lojas e mais de sete mil colaboradores, a grande maioria a efetuar atendimento ao público. Acreditamos que o sucesso do negócio está nas pessoas, pelo que foi prioritário garantir a segurança e uma correta informação e proteção dos nossos colaboradores. Tem sido de extrema importância a aposta numa comunicação interna forte, em permanente atualização, capaz de gerir os receios e comunicar os novos procedimentos coletivos. Os nossos esforços centram-se na disponibilização de informação útil e relevante, no esclarecimento antecipado de dúvidas e na rápida implementação de medidas, permitindo agir de forma eficaz para o exterior.

Perante os nossos clientes, investimos numa comunicação imediata, assegurando o fornecimento de bens e a segurança no ato de compra, reforçando que o Lidl “não parou” e que continua ao lado dos portugueses em todos os momentos. Nas nossas plataformas digitais, fomos pioneiros nas comunicações de prevenção e na sensibilização para comportamentos responsáveis, ao mesmo tempo que investimos em conteúdos que respondessem às necessidades de quem se encontra em casa.

 

Responsabilidade acrescida

Temos o privilégio de contar com 258 lojas espalhadas por Portugal, mas esse privilégio traz uma responsabilidade acrescida: a de marcarmos presença na vida da sociedade que tão bem nos acolhe, de forma relevante e nos momentos em que somos mais precisos. Indo ao encontro da nossa essência, no apoio às comunidades locais, foi também fundamental uma intensificação de esforços, em resposta a quem está mais vulnerável. Estabelecemos uma parceria com a Federação Portuguesa de Bancos Alimentares, através da Rede de Emergência Alimentar, e temos dado resposta aos apelos dos profissionais de saúde, câmaras municipais e outras tantas entidades, como a Secretaria de Estado da Cidadania para a Violência Doméstica, com a doação de diversos bens alimentares e não alimentares. Continuamos igualmente a apoiar as pessoas carenciadas de todo o país através do nosso programa Realimenta. Aqui, não temos parado e não vamos parar.

 

Foco

O nosso foco está em ação eficaz e comunicação transparente. Temos procurado ser aquilo que sempre nos propusemos a ser – parceiros próximos da sociedade, com respostas às suas necessidades, e um agente de impacto social e económico benéfico na comunidade portuguesa.

Temos procurado ser fiéis à nossa essência, trazendo, mais que nunca, relevância à nossa marca pela capacidade de adaptação, eficácia e eficiência nas respostas. Acreditamos que é assim que se reforça reputação em tempos de crise.

Vanessa Romeu, diretora de comunicação corporativa do Lidl Portugal
Vanessa Romeu
diretora de comunicação corporativa do Lidl Portugal
“novo normal”

O “novo normal”, a liberdade e a incerteza