in

AdegaMãe Merlot 2012 
conquista medalha de Ouro no Bacchus 2015

O Merlot colhido em 2012 na AdegaMãe conquistou a sua primeira medalha de ouro internacional, a Medalha de Ouro no Bacchus 2015.

Com um preço de 8 euros, este vinho apresenta-se intenso, rico e volumoso, sugerindo a companhia de pratos de caça ou carnes vermelhas. 


Lançado no final de 2014, juntamente com os varietais Petit Verdot e Cabernet Sauvignon, o Merlot colhido em 2012 na AdegaMãe é mais uma interpretação da reputadíssima casta originária de Bordéus, adaptada ao “terroir” do Oeste. A estratégia assumida pela AdegaMãe, desde a primeira vindima, em 2010, tem passado por contribuir para a afirmação da nova região de Lisboa como produtora de vinhos originais, que espelhem as características únicas da região. A par da aposta nas grandes castas nacionais, a experimentação de algumas das melhores castas internacionais é outra marca do projeto, com a equipa de enologia a procurar novas interpretações possíveis graças à mineralidade dos solos, à orografia dos terrenos ou à influência do clima Atlântico.

Já este ano, este vinho foi alvo de máximo destaque no concurso Nectar DiVino, sendo considerado o melhor tinto na categoria Premium, após prova cega entre amostras de 50 produtores de referência portugueses.

Publicidade

Tratores de reboque BT Movit da Toyota novamente premiados

Unilever evita envio de resíduos não perigosos para aterro