Danone quer que as suas embalagens sejam recicláveis, reutilizáveis ou compostáveis em 2025

Danone quer que as suas embalagens sejam recicláveis, reutilizáveis ou compostáveis em 2025

8 NOVEMBRO 2018
A Danone reafirmou o seu compromisso com o meio ambiente, com o lançamento de uma nova política de embalagens sustentáveis.

Deste modo, a multinacional francesa anunciou novas ações para assegurar que as suas embalagens são fabricadas com material 100% reciclado e, assim, acelerar a transição global para uma economia circular.

A nova política de embalagens inclui iniciativas para melhorar o design e desenvolver modelos alternativos de distribuição e reutilização, investimentos para desenvolver sistemas mais eficazes e inclusivos de recolha e reciclagem e ações para preservar os recursos naturais através da utilização de material reciclado nas embalagens ou da utilização de materiais renováveis. “Acreditamos que agora é o momento para dar um passo em frente, abraçar a nossa responsabilidade e trabalhar em conjunto para fazer uma mudança radical, que ajudará a libertar o mundo dos resíduos de embalagens. Iremos atuar, tanto a nível global como local, para garantir que a circularidade das embalagens se converte na nova norma”, afirma Emmanuel Faber, diretor executivo da Danone.

A multinacional francesa compromete-se, assim, a garantir que todas as suas embalagens são desenhadas para serem 100% recicláveis, reutilizáveis ou compostáveis, em 2025, e a tomar medidas para eliminar as embalagens plásticas problemáticas ou desnecessárias. Atualmente, 87% das embalagens da Danone já cumprem este objetivo e 50% do volume de água produzida é vendido em embalagens reutilizáveis. Na Evian, as garrafas já são 100% recicláveis e foi lançado um projeto-piloto para eliminar a película retrátil não reciclável nas embalagens múltiplas.

Além disso, a Danone anunciou alternativas ao plástico ou às embalagens de plástico de uma única utilização em todos os seus principais mercados de água e um plano para uma recolha mínima de 90% das garrafas distribuídas na União Europeia, até 2025. Hoje em dia, a Danone utiliza, em média, 14% de PET reciclado nas suas garrafas de água e de outras bebidas. O objetivo para 2025 é aumentar esta quantidade para 50% e, no caso da Evian, onde a utilização já ronda os 30%, para 100%.

A marca de água mineral Lanjarón lançou recentemente a sua primeira garrafa fabricada com 100% de PET reciclado e 100% reciclável, pelo que a Danone adianta que colocará nos seus principais mercados de água, em 2021, novas garrafas fabricadas com r_PET.

Paralelamente, a empresa está a desenvolver a utilização de materiais renováveis de base biológica e tem em curso um projeto conjunto com a Nestlé, a PepsiCo e a Origin Materials para lançar no mercado a primeira garrafa com 75% de base biológica em 2021.