El Corte Inglés regista valor de vendas mais elevado em 16 anos em Portugal

El Corte Inglés regista valor de vendas mais elevado em 16 anos em Portugal

27 JULHO 2018
O El Corte Inglés – Grandes Armazéns, S. A., empresa portuguesa do grupo de retalho espanhol, alcançou um volume de negócios de 479,3 milhões de euros no exercício de 2017 e encerrado a 28 de fevereiro deste ano.

Este valor é o mais alto de sempre, considerando os 16 anos completos de atividade em Portugal e representa uma subida de 5,9% face ao ano anterior.

O resultado bruto de exploração, EBITDA, cresceu 22%, situando-se nos 51 milhões e os resultados líquidos de impostos cresceram para os 24,6 milhões de euros. Os custos e as despesas de exploração fixaram-se nos 428 milhões de euros, o que representa um acréscimo de 4,3% em relação aos do ano anterior. "Estes valores refletem o esforço feito pela empresa na modernização das suas lojas e na ampliação dos seus serviços e da sua oferta, com especial destaque para os novos espaços e conceitos. O Gourmet Experience de Lisboa, a inauguração da loja de moda online, a criação de espaços diferenciadores, a renovação das áreas mais clássicas, o alargamento da oferta para incluir as últimas tendências e a incorporação de novas marcas e novos conceitos de alimentação biológica nas lojas de Lisboa e Gaia Porto receberam um bom acolhimento por parte do público e permitiram atrair novos segmentos, mais cosmopolitas", refere o grupo.

Além das novas marcas que foram sendo incorporadas este ano, thouve também uma aposta no aumento da oferta de produtos nacionais de qualidade e incrementado o recurso a fornecedores nacionais para a produção e confeção das marcas próprias. Ao longo do exercício, quintuplicaram as encomendas a fornecedores portugueses para o grupo, sobretudo nas áreas de têxtil-lar, casa e decoração e moda, ao mesmo tempo que se reforçou a compra e ampliou o número de marcas portuguesas, com destaque para as áreas de alimentação.